21 de outubro de 2014

8 de outubro de 2014

Nossa Senhora do Rosário de Pompéia



ROGAI POR NÓS

 

Pompéia é uma cidade romana  em ruínas perto de Nápoles, no município de Pompéia. Esta cidade foi destruída pela erupção vulcânica do Monte Vesúvio em 79 D.C. A cidade que desenvolveu  a cerca de uma milha destas ruínas também foi atingida pela tragédia, quando foi devastada em 1659 por uma epidemia generalizada de malária que matou grande parte da população. Bartolo Longo nasceu em 1841 em Laziano, Itália, filho de um médico e uma mãe católica devota. Sua mãe assegurou desde a sua mais tenra idade que Bartolo desenvolveria um grande amor por Nossa Senhora através da oração do rosário. Em 1871, Bartolo tornou-se membro de uma Terceira Ordem Dominicana e recebeu o nome de Irmão Rosário. Em 1872, Bartolo chegou a Pompéia  acompanhado por dois guardas armados para protegê-lo dos bandidos que invadiam a área.  Ele ficou chocado e cheio de pena pela ignorância, pobreza e falta de religião dos habitantes.  Ele também estava lutando com suas próprias  dúvidas sobre sua fé cristã.  Enquanto andava pela redondeza, ele ouviu uma voz dizer-lhe: “Se você procurar a salvação reze o rosário”. Está é a promessa da própria Maria. Seu coração generoso foi tocado, e ele prometeu a Nossa Senhora fazer tudo em seu poder para promover a devoção ao rosário entre as pessoas. Ele começou a restaurar uma igreja em ruínas, em outubro de 1873 e patrocinou um festival em honra de Nossa Senhora do Rosário. Em 1875, Longo restaurou uma pintura bem desgastada de Nossa Senhora  do Rosário de um convento em Nápoles. Muitos milagres são atribuídos pela intercessão de Nossa Senhora de Pompéia. A imagem de Nossa Senhora de Pompéia, representa Nossa Senhora do Rosário como a Rainha do Céu. Ela e seu filho, Jesus, distribuem o Rosário a São Domingos e Santa Catarina de Sena. O retrato de Pompéia é um ícone derivado do estilo oriental do século 6. Em 21 de outubro de 1979, o Papa João Paulo II visitou Pompéia. Em 26 “de outubro de 1980, Bartolo Longo foi beatificado por João Paulo II e chamado de O Homem do Rosário”.